Penela: Novo vinho de Sicó vai ser produzido em Alfafar


As instalações da extinta Sociedade Agrícola de Vinhos de Alfafar vão voltar a entrar em funcionamento pela mão das Caves Avelar, que ali irão produzir um novo vinho com o selo Terras de Sicó. Já na próxima colheita o espaço estará preparado para receber as uvas dos vinicultores da região.


“Estaremos disponíveis para receber as uvas produzidas na nossa região e evitar que, como acontece todos os anos, estas vão enriquecer outros vinhos de outras regiões”, adiantou ao TERRAS DE SICÓ Luís Guilherme, gestor da empresa fundada em 1947 no concelho de Ansião, considerando que se justifica “cada vez mais, promover um bocadinho os produtos endógenos desta região”.


No entender do empresário, “o vinho de Sicó acaba por ter pouca expressão porque não temos quantidade suficiente, não são engarrafados mais de 10.000 litros por ano e isso acaba por não ter expressão no mercado”.


Para ajudar a combater essa dificuldade vai surgir o “Marco d´ Aldeia”, a marca do novo vinho a produzir já com as uvas da próxima campanha que os viticultores entendam vender àquela unidade e que ostentará no rótulo a cada ano um ex-libris diferente dos concelhos de Sicó, a começar pelo castelo de Penela.


“Iremos produzir vinhos brancos, tintos e espumantes com a denominação Terras de Sicó, para oferecer algo diferente e distintivo aos clientes das Caves Avelar”, refere Luís Guilherme, na certeza que “a região também ganhará, seguramente”. Edgar Basílio Duarte, um dos fundadores da Sociedade Agrícola de Vinhos de Alfafar, que encerrou portas em 2018, vai colaborar com o projecto e “será uma mais-valia pelo conhecimento que tem da região, dos produtores e do potencial da adega”.


Num melhor apetrechamento das instalações localizadas à beira do IC3, em Alfafar, vão ser investidos cerca de 120.000 euros, parte significativa financiada por fundos comunitários.


07 Junho 2019

Escrito por: Jornal Terras de Sicó

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo